Edições Anteriores

Festival Literário da Madeira   O FLM   MAIS INFORMAÇÕES

2011

O FLM nasceu, cresceu e afirma-se como um momento cultural incontornável. Começamos por centrar a nossa discussão nos maiores responsáveis pelos livros que nos fazem pensar, questionar, rir, apaixonar: os escritores. Falamos dos que fogem da fama, dos malditos, dos inconstantes, dos esquecidos e até dos maltratados.

2012

«Éramos felizes e não sabíamos», por isso, no segundo ano, quisemos que a literatura fosse feliz na Madeira e troikamos as voltas à crise. Tivemos a internacionalização do Festival, com honras de destaque para a Poesia, esse género maior da expressão dos sentimentos, do pensamento sobre o mundo, o homem e a humanidade.

 

2013

Um “Manifesto à Arte” que convocou escritores, ilustradores, artistas plásticos e músicos. Durante a primeira semana de Abril, o FLM contribuiu para devolver à Madeira o estatuto de entreposto incontornável nas grandes rotas internacionais. Rotas de ideias e de saberes, na órbita do Verbo, alfa e ómega da condição Humana. Da ilha para o Mundo, redescobrimos horizontes.

2014

Estes versos de Mário Cesariny distinguem e situam a IV edição do Festival Literário da Madeira. Todos os homens têm um país. Na pior (ou melhor) das hipóteses, são apátridas, aquém ou além de um país que é casa, mas não é lar. No ano que assinala os 100 anos da I Guerra Mundial e os 40 anos do 25 de Abril, o FLM convoca o poder da Literatura para rever as coordenadas, espaciais e temporais, que definem um país.

WEB

festivalliterariodamadeira.pt
www.facebook.com/festivalliterario

 

WEB - EDIÇÃO ANTERIOR

2013 - festivalliterariodamadeira.pt